Curva de casos em alta ressalta importância das medidas para conter propagação da Covid-19

Prefeituras do Grande ABC recomendam isolamento social, uso de máscaras
e cuidados com higiene como ações para conter avanço da pandemia

O avanço da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) ressaltam a necessidade do isolamento social e de outras medidas para restringir a circulação de pessoas nas cidades, conforme orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde seguidas pelo Consórcio Intermunicipal Grande ABC.

Nas sete cidades do Grande ABC, em um mês, o número de casos confirmados cresceu sete vezes, passando de de 439 para 3.090, segundo dados oficiais das sete prefeituras. No mesmo intervalo, entre 13 de abril e 13 de maio, o número de óbitos por Covid-19 passou de 31 para 290, número nove vezes maior. Além disso, 6.466 casos ainda aguardam resultado.  

Para se proteger e evitar a propagação da doença é importante evitar tocar os olhos, nariz ou boca sem estar com as mãos limpas. As principais recomendações de higiene são lavar as mãos frequentemente com água e sabão ou higienizá-las com álcool em gel, cobrir o nariz e a boca com um lenço ou o cotovelo ao tossir e espirrar, assim como evitar o contato próximo com pessoas que não estejam bem. 

O Ministério da Saúde recomenda o uso de máscaras caseiras pela população brasileira como mais uma medida para reduzir a transmissão da Covid-19. Além de eficiente, trata-se de um equipamento simples, que não exige grande complexidade na sua produção e pode ser um grande aliado no combate à propagação do coronavírus.

O coordenador do Grupo de Trabalho (GT) Saúde do Consórcio ABC e secretário da pasta em São Bernardo do Campo, Geraldo Reple Sobrinho, ressaltou que é preciso priorizar que as máscaras cirúrgicas e do tipo N95 sejam destinadas aos profissionais da Saúde. “O estímulo às máscaras caseiras é uma forma de garantir que as máscaras industrializadas sejam usadas prioritariamente nas unidades de Saúde”, afirmou.

Os prefeitos do Grande ABC têm reiterado o isolamento social como medida para enfrentar a pandemia. O presidente do Consórcio ABC e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão, explicou que, diante do aumento do número de casos de Covid-19 na região, as medidas de restrição já anunciadas seguem em vigor. “As diretrizes estabelecidas pelo governo estadual e pelas prefeituras devem ser seguidas rigorosamente para que possamos conter o avanço da pandemia. Nosso objetivo é reduzir a contaminação e, futuramente, sairmos da quarentena”, concluiu.

Foto: Helber Aggio/PSA

Rodolfo Albiero

Assessoria de Comunicação

Consórcio Intermunicipal Grande ABC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s