Entenda por que Regina Maura largou clube milionário da saúde

DANIEL LIMA – 19/04/2022 Capital Social.

Ex-secretária de saúde da Prefeitura de São Caetano e indicada nos bastidores também por São Caetano para ocupar a presidência da Fundação do ABC, a médica Regina Maura Zetone não suportou o tranco da responsabilidade de assumir todas as potenciais complicações de uma instituição de governança e governabilidade complexas por natureza. Acabou pedindo as contas antes que as contas sobrassem para ela.  

Quem perde com isso é o prefeito Paulinho Serra, de Santo André. Regina Maura entrou na cota temporal de Santo André, mas de fato foi São Caetano que a indicou.  

A Prefeitura de Santo André é inadimplente na Fundação do ABC e por isso está impedida formalmente de participar do tradicional rodizio de escolha da presidência.  

Quem conhece a Fundação do ABC sabe que as contas que levaram Regina Maura Zetone a dar no pé são senhoras contas, tanto de entradas quanto de saídas.

x

REDE DE INTERESSES  

Regina Maura durou três meses apenas no cargo. Sem descontar os 10 dias de auto-afastamento, período no qual tentou deixar a escuridão de dúvidas e encontrar a chave de um quarto iluminado. 

As contas das quais Regina Maura fugiu são principalmente as contas que contam para valer, as contas da Central de Compras, oficialmente Central de Convênios, mas durante durante muito tempo Central de Conveniências.  

A Fundação do ABC poderia ser chamada de Clube da Saúde do Grande ABC. O orçamento é milionário. São R$ 3 bilhões para esta temporada. Três bilhões mesmo. Dinheiro federal. Do SUS.  

A Fundação do ABC é uma imensa rede de interesses contraditórios quase inconciliáveis. Já foi um endereço de muita conciliação. Quem aprecia conciliação como forma de unanimidade muitas vezes sem qualquer preocupação construtivista deve estar com saudade dos tempos de paz da Fundação do ABC. 

x

DERROTA PARA PAULINHO  

A retirada de Regina Maura Zetone de cena é uma derrota para o grupo do prefeito Paulinho Serra. Além da inadimplência impeditiva, Paulinho Serra não contava com outro nome de lustro suficiente para fugir dos olhares rigorosos do Ministério Público Estadual de Fundações.  

O mesmo MP que, ano passado, barrou do baile da Fundação do ABC o então vereador Almir Cicote, indicado pelo prefeito Paulinho Serra para substituir um titular da Central de Compras que acabara de renunciar. Almir Cicote não sensibilizou o MP porque o currículo não contemplava especialidade alguma em saúde. Durou pouco tempo no comando da Central de Compras.  

José Auricchio propôs Regina Maura Zetone como nome conciliatório, mas a médica negou fogo depois de três meses de intenso bombardeio interno. O cargo virou uma bucha de canhão.  

Que bucha de canhão é essa que motivou a demissão da médica que ganhou manchetes nos últimos tempos como salvadora da pátria da Fundação do ABC? 

x

CENTRAL DE PROBLEMAS  

Salvadora da pátria foi uma grande forçada de barra, claro, porque a antecessora, Adriana Berringer, também indicada por José Auricchio, fez muita gente rebolar e perder espaços estratégicos. Sobretudo na Central de Compras, também Central de Convênios, também Central de Conveniências. Ou seja, o caixa-forte da instituição dirigida desde 1967 em regime tripartite pelas prefeituras de Santo André, São Caetano e São Bernardo.  

Adriana Berringer foi demonizada na Fundação do ABC e no entorno que pretende controlar os cordéis da saúde da instituição porque não fez o jogo de interesses muito comum na instituição. Adriana Berringer só não fez chover, tantas foram as contrariedades que plantou. Regina Maria teria percebido que passaria pelo mesmo inferno corporativo. 

Até uma auditoria externa de alta credibilidade a antecessora de Regina Maura contratou. O documento mostrou sem cortes o que indicados do prefeito Paulinho Serra andaram fazendo na Central de Compras da Fundação do ABC durante os primeiros meses da pandemia do Coronavírus. Uma barbaridade de abusos e irregularidade, segundo consta do documento. 

x

REGIONALIDADE EM PANE  

A Fundação do ABC é a única regionalidade que deu certo no Grande ABC. Não está dando mais porque determinados acertos do passado não se reproduzem desde algum tempo. Quando um de três (ou dois de três) não quer, o triângulo diretivo entra em pane.  

A Central de Compras, troféu máximo da hierarquia durante muitos anos, foi reduzida à formalidade de departamento subordinado à presidência. Adriana Berringer fez essa lógica corporativa funcionar. E foi duramente atacada por isso. Mal terminou o mandato regulamentar. A duras penas, mas terminou.  

 Regina Maura Zetone caiu fora antes que lhe sobrassem complicações.  A médica mostrou que tem juízo. Há armadilhas corporativas que exigem determinadas cautelas. Regina Maura não encontrou o fio da meada para escapar da enrascada em que se meteu. Mais que isso: se encontrou o fio da meada, pressionada se sentiu a abandonar o barco. 

x

PROVA DE FOGO  

Talvez nesta altura do campeonato Regina Maura Zetone esteja entendendo que o cargo de presidente da Fundação do ABC é uma prova de fogo. Que pode terminar no inferno pessoal e profissional.   

A antecessora Adriana Berringer comeu o pão que o diabo amassou ao enfrentar inimigos poderosos. Botar a Central de Compras no devido lugar, não é tarefa simples. O organograma operacional colocava o departamento geralmente acima da presidência.  

A hierarquia era subvertida porque na Central de Convênios, também Central de Compras, quando não Central de Conveniências, vigorava a farra do boi.  

Afinal de contas, por que Regina Maura Zetone deixou a presidência da Fundação do ABC após dias de licença?  

Não acreditem na resposta oficial, em papel timbrado da Fundação do ABC. A informação de que precisa resolver problemas pessoais e familiares é protocolar. Soa como um treinador que perde o cargo depois de seguidas derrotas e o clube contratante diz que houve comum-acordo. O treinador foi chutado mesmo. 

x

LADO REVERSO  

Não é o caso de Regina Maura. A mulher que concorreu à Prefeitura de São Caetano em 2012 e foi derrotada porque o machismo invadiu a cidade com a maledicência de sempre é que decidiu sair. E por motivo justo.  

Regina Maura não aceitou assinar documentos relevantes das atividades de uma instituição que se espalha por três dezenas de endereços. A legislação obriga que a presidente assine e assuma a responsabilidade por eventuais irregularidades. O patrimônio físico e moral de Regina Maura Zetone estava sob risco.  

Claro que Regina Maura não tinha o controle dos tentáculos da Fundação do ABC. Ou seja, e traduzindo tudo isso: o histórico de problemas é suficientemente atemorizante para quem tem o que perder. Então, como se explica o mandato da antecessora durante dois anos?  

Adriana Berringer cercou-se de gente de confiança e manteve sob rédeas curtas todos os eventuais e possíveis vazamentos. Mais ainda: não se sujeitou a interesses inconfessos.  

x

JOGO INTRINCADO 

O passo seguinte à renúncia de Regina Maura Zetone é um jogo intrincadíssimo. O presidente interino é homem de confiança do prefeito Orlando Morando, de São Bernardo. É possível que todo o entorno do prefeito Paulinho Serra, de Santo André, decida infligir golpes semelhantes ao aplicados em Adriana Berringer. Já houve ensaio na semana passada. 

Luiz Mário Pereira Gomes, procurador-geral da Prefeitura de São Bernardo, vai comandar a Fundação do ABC até que novo presidente saia da cartola dos três prefeitos. A operação é delicada. Não existe diálogo entre Orlando Morando e Paulinho Serra. Mais que isso: além da inadimplência proibitiva a demandar o cargo, Paulinho Serra encontra dificuldades para contar com quadro de confiança e com os requisitos exigidos pelo Ministério Público das Fundações. 

Leia em:

http://www.capitalsocialonline.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s