Consórcio ABC e UFABC pedem apoio a deputados federais para liberação de verbas de universidades

Em ofício, colegiado de prefeitos e universidade federal ressaltam que instituições tiveram corte no recursos de custeio

O Consórcio Intermunicipal Grande ABC e a Universidade Federal do ABC (UFABC) estão solicitando apoio dos deputados federais eleitos por São Paulo para a liberação das verbas previstas para as instituições federais de ensino superior neste ano.
Em ofício aos parlamentares, o Consórcio ABC e a UFABC apontam que o corte aprovado pelo Congresso Nacional totaliza uma diminuição para este ano de R$ 1 bilhão em relação a 2020 no orçamento discricionário das universidades federais, o que representa redução de 18,16%.
O documento ressalta que o decréscimo atingiu todas as 69 universidades federais, mas com graus diferentes e sem critério conhecido, estando entre as universidades atingidas a UFABC.
O ofício afirma que as universidades têm operado no limite, dedicando-se a questões humanitárias durante a pandemia, inclusive com pelo menos três universidades federais desenvolvendo vacinas nacionais contra a Covid-19.
Além disso, desde o início da pandemia, a rede federal de hospitais universitários, formada por 50 hospitais vinculados a 35 universidades, disponibiliza mais de 2.000 para pacientes com Covid-19, sendo cerca de 1.300 leitos de enfermaria e em torno de 700 leitos de unidade de tratamento intensivo (UTI).
No caso específico da UFABC, a instituição de ensino cede espaço e colabora com a manutenção de um hospital de campanha em seu campus no município de Santo André, que suporta 190 leitos de enfermaria e UTI.
Diante desse cenário, o Consórcio ABC e a UFABC pedem a contribuição dos deputados para pleitear a autorização legislativa de descongelamento de 60% das verbas previstas na Lei Orçamentária Anual (2021), bem como a recomposição do orçamento destinado a todas as universidades federais do país aos níveis do orçamento de 2020.
O presidente do Consórcio ABC e prefeito de Santo André, Paulo Serra, ressaltou que é imprescindível reverter o corte de mais de 18% no orçamento das universidades federais para não inviabilizar suas atividades.
“Com 15 anos de serviços prestados à nossa região, a UFABC é a concretização de uma demanda histórica das sete cidades viabilizada por meio do Consórcio ABC. Queremos contar com a colaboração dos deputados federais de São Paulo para a liberação por completo da verba para todas as universidades federais do Brasil”, afirmou Paulo Serra.
Foto: Aline Veridiano/UFABC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s