Ronaldo Pedrosa está preocupado com a saída de empresas de Mauá

Empresário conta que o problema é mais sério do que se imagina.

Em entrevista ao Jornal Tempo Real, Pedrosa demonstrou sua preocupação com o fechamento de empresas e das vagas de empregos.

TR: Ronaldo como você avalia a atual situação da indústria na cidade de Mauá

Ronaldo Pedrosa: É uma situação muito preocupante muitos pais de família estão ficando desempregados, outros trabalhando autônomos para conseguirem o sustento e muitos deles tem filhos que trabalham nas empresas da cidade que começaram a perder seus postos de trabalho. Eu vivencio todos os dias na entrada do Pólo Industrial da ACIBAM (Associação Condomínio Industrial Barão de Mauá), muitos jovens entregando currículos e não tem emprego. Na década de 80 eu trabalhei na Metalúrgica Jardim por 15 anos, ela era fornecedora da Ford e gerava muitos empregos, hoje ela não é mais fornecedora por conta da saída da montadora do Brasil, isso é muito triste. É assustador ver muitas outras metalúrgicas fechando ou indo embora, mandando embora aqueles que por muitas vezes são a única fonte de renda da família. As empresas não conseguem pagar tantos impostos e tantos tributos no Brasil. Aquilo que se dizia do Grande ABC estamos vendo acontecer, iriamos ter aqui somente Shoppings e Supermercados não tem emprego pra todo mundo.

TR: Qual a solução a curto prazo?

Ronaldo: Tem que existir políticas públicas no âmbito municipal, estadual e federal para atrair novas empresas, tem que reduzir impostos, tornar a cidade mais atrativa. Em 2019 Mauá tinha 715 indústrias hoje esse número diminuiu bastante, muitas fecharam, outras foram embora e ninguém foi lá perguntar porque estão indo embora, o que poderia ser feito ajudar aquela empresa a manter seus funcionários, é lamentável, muito triste mesmo, não nasce nem uma empresa mais em nossa cidade, ou ela fecha ou vai embora.
Eu sou empresário, sou gestor e gerador de empregos, sei das dificuldades para se manter um quadro de colaboradores, para abençoar um pai de família com uma oportunidade de emprego, mas eu acredito em dias melhores, temos que ter fé.

TR: o que você espera para Mauá?

Ronaldo: A gente torce para que o atual governo faça uma boa gestão, atraia investimentos para a cidade, geração de empregos, porque nós temos quatro grandes pólos industriais, capuava, petroquímico, sertãozinho e acibam. É preciso pensar no futuro dos nossos jovens, eles não querem estudar porque não tem oportunidade, é preciso incentivar e motivar para que ele tenha a oportunidade de crescer no mercado de trabalho, pois hoje cerca de 120 mil trabalhadores pegam o trem todos os dias para trabalhar fora da cidade, isso precisa mudar urgentemente.
Sobre a questão da Pandemia eu acredito que em breve com essa vacinação vamos ter uma melhora desse quadro.

Em 2020 Mauá me deu uma grande oportunidade, fui candidato a prefeito, a cidade me conheceu, me acolheu, conseguimos eleger um vereador e nosso trabalho continua no Progressistas, buscando melhorias e qualidade de vida pro nosso povo, embora não tenha sido eleito, meu desejo é ver essa cidade que me acolheu progredir, dando qualidade de vida, saúde e educação pro nosso povo.
Mauá tem potencial, e eu não vou desistir de ver essa cidade crescer, e ser uma referência no ABC.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s