GCM de Mauá deflagra ação ilegal em área de proteção ambiental

Operação apreendeu caminhão que descartava lixo em aterro clandestino na Vila Feital; proprietário do veículo foi encaminhado à delegacia.

A GCM (Guarda Civil Municipal) de Mauá interrompeu nesta quinta-feira, 4 de fevereiro, ação ilegal em área de proteção ambiental na cidade. Terreno localizado na Estrada do Schenk, na Vila Feital, estava sendo usado como aterro clandestino, com descarte irregular de materiais e de lixo. No local, em área de mananciais, havia inclusive nascente de rio.

Pela manhã, a guarda patrulhava a região – que já tinha série de denúncias de descarte sem autorização – quando avistou um caminhão basculante branco, com placas de Mauá, descarregando terra em área próxima a um córrego. O terreno estava repleto de entulho, em sua maioria restos de construção civil.

O veículo foi apreendido e o proprietário, que estava dirigindo o caminhão, foi levado ao Dicma (Delegacia do Meio Ambiente) de Santo André. Ainda não há informações sobre o dono do terreno.

Desde o início do novo governo em Mauá, a orientação é para coibir crimes contra o meio ambiente e evitar ocupação irregulares.

“O flagrante desta ilegalidade é fruto do trabalho de fiscalização e de identificação de ocupações e construções irregulares em áreas de proteção ambiental iniciado nesta gestão. Temos utilizado nosso efetivo para, de fato, trabalhar pela cidade. As ilegalidades não serão mais toleradas”, afirmou o comandante da GCM de Mauá, Cícero dos Santos Oliveira.

Além de combater as ilegalidades, a GCM de Mauá tem sido fundamental no auxílio às ações de enfrentamento à pandemia. O efetivo acompanha fiscais e equipes da Prefeitura em comércios e na orientação à população que as regras sanitárias, como uso correto de máscara, higienização das mãos e distanciamento social, sejam respeitadas.

Também tem garantido, especialmente aos fins de semana, o fechamento dos bolsões de estacionamento da Avenida Portugal, principal ponto de encontro da cidade, para evitar aglomerações. As ações ainda são extensivas a diversos bairros da cidade. Recentemente, a GCM evitou a realização de baile funk com aproximadamente 600 pessoas no Jardim Zaíra com quase 2.000 no Cerqueira Leite.

Prefeitura de Mauá

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s