TRE-SP concede liminar e vereadores serão diplomados em Mauá

O Tribunal Regional Eleitoral acaba de acatar a solicitação do PSB e PSD de Mauá que concede mandato de segurança garantido a diplomação dos vereadores eleitos, Samuel Enfermeiro, Ricardinho da Enfermagem, Márcio Araújo e Vaguinho do Zaira.

Na decisão de Nº 1992, o juiz Marcelo Vieira de Campos entendeu que o Juiz eleitoral da cidade de Mauá não poderia interferir na diplomação dos mesmos.

Com o recesso parlamentar programado a partir da próxima segunda-feira (21/12), a expectativa é de que não haja alterações antes do retorno.
Tchacabum (PDT), Renato Baiano (PCdoB) e Alexandre Viera da Costa (PP) entaram com processo questionando o fato de duas candidatas- uma do PSB e outrado PSD- terem recebido zero votos, o que segundo eles sinalizaria fraude eleitoral e candidaturas laranjas para alcançar a cota mínima de candidatas mulheres, de 30% do total da chapa.
Regiane Viana de Carvalho (PSD), que usou como nome de urna Nega do Povo, 32 anos, e Fátima Rosângela da Cunha Lima (PSB), 46, não receberam nenhum voto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s