Educação de Ribeirão Pires retoma parceria com Comitê Paralímpico Brasileiro

Estreitamento entre Estância e CPB visa ofertar vagas aos munícipes com deficiência

Na última semana, a Secretaria de Educação e Cultura de Ribeirão Pires, os alunos do curso de Braille, e representantes da Secretaria de Assistência, Participação e Inclusão Social (SAPIS), visitaram o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). A visita guiada, que apresentou toda a estrutura do centro de treinamento, objetivou o estreitamento entre a Estância e o CPB a fim de ofertar vagas para o Projeto Escola Paralímpica de Esportes, voltado às crianças com deficiência de 10 a 17 anos.

A Escola Paralímpica de Esportes, idealizada pelo Comitê Paralímpico Brasileiro, promove a iniciação de crianças com deficiência física, visual e intelectual na faixa etária entre 10 a 17 anos em 13 modalidades paralímpicas, como, por exemplo, atletismo, esgrima em cadeira de rodas, futebol de cegos, judô, natação, tênis de mesa e vôlei sentado.

“A ida ao CPB foi uma experiência muito interessante. Esse espaço é uma referência para os deficientes, pois é aqui que eles são preparados para o esporte, e todos sabemos como o esporte é vida”, declarou o professor e transcritor de Braille da Secult, Zé Nilton. “Poder conhecer esse lugar junto com nossos alunos do Braille também foi algo muito importante”, concluiu.

Para mais informações acerca do Comitê Paralímpico Brasileiro ou auxílio na matrícula, o munícipe deve entrar em contato com a Educação especializada da Secult por meio do telefone 4828-9600, ou se inscrever por meio do link https://bit.ly/3aLmHpR.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s