Governo do Estado se reúne com municípios para expansão de leitos de UTI

Capacidade de colocar os leitos em operação nos próximos dez dias será a condição principal para o co-financiamento

O Vice-governador Rodrigo Garcia coordenou reunião nesta quarta-feira (26) com os presidentes dos Consórcios de municípios que compõem a Região Metropolitana de São Paulo, para tratar de financiamento de novos leitos para COVID-19. Na reunião, ficou acertado que até as 12h desta quinta (27), os municípios irão enviar ao Estado as demandas de cada cidade, seja para oferta em hospitais municipais ou na rede estadual regional.

Veja também
Site Vacina Já faz pré-cadastro da imunização contra COVID-19
Guia de prevenção sobre o novo coronavírus
As medidas adotadas pelo Governo de SP para o combate ao coronavírus

A condição principal para o co-financiamento de novos leitos de UTI para estas regiões é a sua capacidade de colocar em operação nos próximos dez dias, já que pelas perspectivas dos especialistas, a demanda deve continuar em alta pelas próximas três semanas.

“O Estado continua parceiro dos municípios neste atendimento e queremos rapidamente reativar estes leitos. Só precisamos que dimensione rapidamente para podermos colocar em operação nos próximos dez dias”, afirmou Rodrigo Garcia.

Além disso, o Governador João Doria já havia anunciado a ativação de 700 novos leitos exclusivos para atendimentos COVID-19 na rede hospitalar. Os novos leitos vão auxiliar na absorção da nova demanda de casos em unidades hospitalares de 14 regiões do Estado, incluindo capital e municípios da Grande São Paulo e as regionais de saúde de Araraquara, Baixada Santista, Barretos, Bauru, Franca, Marília, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, Sorocaba e Taubaté.

Serão abertos 266 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 434 de enfermaria em hospitais de gestão estadual, que receberão pacientes encaminhados por meio da Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde (CROSS).

Participaram da reunião: secretários da Saúde, Jean Gorinchteyn; do Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi; e da Casa Civil, Cauê Macris, e o presidente do Consórcio ABC, o prefeito de Santo André, Paulo Serra. Também participaram de forma remota, os presidentes dos Consórcios CIOSTE (Rogério Lins, prefeito de Osasco); CONDEMAT (Guti Costa, prefeito de Guarulhos); CONISUD (Secretária Executiva, Brígida Sacramento) e SIMBAJUD (Danilo Joan, prefeito de Cajamar).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s