André Marques é o campeão da Copa Truck 2021

Um terceiro e um quarto lugar nas corridas finais de Curitiba (PR) neste domingo (5) foram suficientes para o piloto da Mercedes-Benz conquistar seu primeiro título brasileiro. Felipe Tozzo, da Iveco, foi o campeão da categoria Super Truck.

A Copa Truck encerrou a temporada 2021 no final da manhã deste domingo (5) em Curitiba (PR) com duas corridas bastante disputadas, que foram vencidas por pilotos que largaram na frente: o pole position Paulo Salustiano venceu a primeira prova com a Volkswagen e seu companheiro de equipe Beto Monteiro largou na frente na segunda para vencer sem maiores percalços. A maior comemoração, no entanto, veio dos boxes da AM Motorsport: André Marques confirmou a conquista do título tendo o companheiro de equipe Wellington Cirino fechando a disputa como vice-campeão.

Esta foi a quinta temporada da história da Copa Truck, que começou em 2017. O ano de 2021 marcou o início da colaboração da Fras-le com a categoria no desenvolvimento e fornecimento das pastilhas de freio oficiais – e o feedback dos pilotos foi de elogios pela segurança, eficiência e durabilidade do material disponibilizado a todas as equipes.

A disputa pelo título envolvia o líder Marques, Cirino e Felipe Giaffone, que foi penalizado na classificação por excesso de fumaça e largou da 18ª posição. O piloto da Iveco fez grande recuperação para terminar em sexto lugar a primeira prova e, largando em terceiro na segunda com a inversão dos oito primeiros no grid, terminou na segunda posição, mesmo sob os intensos ataques de Paulo Salustiano.

André Marques fez duas corridas longe de se envolver em qualquer tipo de confusão. Largando em segundo, o piloto não chegou a oferecer resistência sequer ao companheiro de equipe Wellington Cirino. A dupla fechou a primeira prova com Cirino em segundo e Marques em terceiro. Na segunda corrida, Marques chegou à frente em quarto e Cirino em quinto, resultados suficientes para sacramentar a conquista do título para André e o vice para Wellington.

E de fato, foi uma temporada espetacular para o mais novo campeão da Copa Truck. Foram seis vitórias e somente um abandono, com uma regularidade que lhe possibilitou chegar a Curitiba na liderança do campeonato e confirmar as chances de título. Cirino, apesar da consistência, venceu somente uma prova em 2021, mas era sempre um foco de resistência ao companheiro de equipe nas disputas.

Na classe Super Truck, para pilotos com menor experiência em corridas de caminhões, o título ficou para o catarinense Felipe Tozzo, da Iveco. O piloto de Chapecó (SC) fez sua primeira temporada na Copa Truck e os dois segundos lugares da Super Truck na etapa curitibana confirmaram seu título com José Augusto Nunes como vice e o bicampeão da Stock Car Giuliano Losacco em terceiro.

A Fras-le, maior fabricante de materiais de fricção da América Latina e um dos líderes mundiais, é a fornecedora oficial de pastilhas de freio para a Copa Truck, proporcionando eficiência e segurança nas frenagens dos caminhões mais rápidos do planeta.

Fala, Campeão!

André Marques, AM Motorsport, Mercedes-Benz #77
Campeão da Copa Truck
“Se não fosse a minha equipe, nada disso teria acontecido. Estes caras são fantásticos. Tenho que agradecer também à Mercedes, à organização da Copa Truck, minha família, e todos os que contribuíram para que isso fosse possível Não foi fácil. Foram muitos dias de luta”.

Felipe Tozzo, Iveco #57
Campeão da Super Truck
“Estou imensamente feliz. Construímos um trabalho para chegar a este momento brigando pelo título. Eu estava tranquilo, calmo o tempo todo. Não me envolvi em nenhuma briga e o caminhão tinha performance para fazer mais, mas o foco era no título e estou muito feliz em ter atingido este objetivo”.

Resultado da Corrida 1 (top-10):
1. Paulo Salustiano (Volkswagen)
2. Wellington Cirino (Mercedes-Benz)
3. André Marques (Mercedes-Benz)
4. Danilo Dirani (Mercedes-Benz)
5. Roberval Andrade (Volkwsagen)
6. Felipe Giaffone (Iveco)
7. Giuliano Losacco (Mercedes-Benz)
8. Beto Monteiro (Volkswagen)
9. Débora Rodrigues (Volkswagen)
10. Felipe Tozzo (Iveco)

Resultado da Corrida 2 (top-10):
1. Beto Monteiro (Volkswagen)
2. Felipe Giaffone (Iveco)
3. Paulo Salustiano (Volkswagen)
4. André Marques (Mercedes-Benz)
5. Wellington Cirino (Mercedes-Benz)
6. Danilo Dirani (Mercedes-Benz)
7. Danilo Alamini (Volkswagen)
8. Roberval Andrade (Volkswagen)
9. Valmir Benavides (Iveco)
10. Luiz Lopes (Mercedes-Benz)


Vencedores da temporada:
Goiânia: 
Felipe Giaffone (Iveco) e André Marques (Mercedes)
Interlagos: Wellington Cirino (Mercedes) e Paulo Salustiano (Volkswagen)
Cascavel: André Marques (Mercedes) e Danilo Dirani (Mercedes)
Cascavel: André Marques (Mercedes) e Danilo Dirani (Mercedes)
Tarumã: André Marques (Mercedes) e Regis Boessio (Volvo)
Curitiba: Beto Monteiro (Volkswagen) em ambas
Curitiba: André Marques (Mercedes) em ambas
Potenza: Felipe Giaffone (Iveco) e Danilo Dirani (Mercedes)
Curitiba: Paulo Salustiano (Volkswagen) e Beto Monteiro (Volkswagen)

CAMPEONATOS* (extra-oficial)
Classificação Geral Copa Truck (Top-5)
1. André Marques – 257 pontos
2. Wellington Cirino – 244
3. Felipe Giaffone – 239
4. Paulo Salustiano – 218
5. Beto Monteiro – 196

Classificação Geral Super Truck (Top-5)*
1. Felipe Tozzo – 254 pontos
2. José Augusto Dias – 228
3. Giuliano Losacco – 225
4. Danilo Alamini – 206
5. Daniel Kelemen – 178
*A classe Super Truck é destinada a pilotos com experiência recente em corridas de caminhões

Sobre a FRAS-LE:

No mercado há mais de 67 anos e uma das cinco maiores fabricantes mundiais de materiais de fricção, a Fras-le, que faz parte das Empresas Randon, é uma marca reconhecida globalmente. Com mais de 12 mil referências  nas marcas FRAS-LE & Lonaflex, a empresa coloca ao alcance do consumidor uma linha completa de produtos de fricção da mais alta qualidade, desenvolvidos e testados em seu Centro de Pesquisa e Desenvolvimento, um dos  mais bem equipados do mundo, que conta com laboratórios químico, físico, piloto e o Centro Tecnológico Randon, um centro de testes por excelência.

 A empresa expandiu seu portfólio com a aquisição, em 2012, da Controil, que fabrica componentes para freios e embreagens e polímeros automotivos. Em 2018, mais 2.500 referências com a marca FREMAX foram incorporadas ao mix de produtos da FRAS-LE, com a aquisição da empresa, que produz discos, tambores de freios e cubos de roda.  

Desde 2016, a Fras-le é a fornecedora oficial das pastilhas de freio dos carros da Stock 
Car, Stock Light e Mercedes-Benz Challenge.  A FREMAX, desde 2004,  também é a fornecedora oficial dos discos de freio da Stock Car,  assim como das categorias Stock Light, Mercedes-Benz Challenge, Porsche GT3 Cup, Sprint Race e Old Stock

Recentemente, a FRAS-LE concluiu a aquisição da Nakata Automotiva que, dentre os principais itens estão amortecedores, terminais e barras de ligação e direção, pivô e bandejas de suspensão, juntas homocinéticas, componentes de eixos cardan e diferencial.

A Fras-le, seja através das suas aquisições ou no desenvolvimento de materiais mais inteligentes (mais leves, eficientes e com materiais primas mais sustentáveis) tem construído uma plataforma cada vez mais diversa, de itens fricção e não fricção, estando atenta aos movimentos e necessidades do mercado global.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s