Santo André aplica segunda dose de vacina da Pfizer em gestantes, puérperas e lactantes

Agendamento deve ser feito pelo site psa.santoandre.br/vacinacovid, que indicará data, horário e local disponíveis

Gestantes, puérperas e lactantes começarão a receber a segunda dose da vacina da Pfizer em Santo André. O agendamento deve ser feito pelo site psa.santoandre.br/vacinacovid, que indicará data, horário e local disponíveis. Todos as munícipes deverão, obrigatoriamente, apresentar documento de identidade e comprovante da primeira dose.

“Disponibilizamos a segunda dose da vacina para gestantes, puérperas e lactantes, proteção que nos coloca cada vez mais perto do fim desta guerra contra a Covid-19. Graças à responsabilidade, planejamento e gestão que foram adotados desde o primeiro dia da pandemia, Santo André segue sendo referência no cuidado da nossa gente”, destacou o prefeito Paulo Serra.

Santo André segue evoluindo na vacinação da população. Com mais de 900 mil doses aplicadas, 100% da população adulta já recebeu ao menos uma dose da vacina e cerca de 60% da população adulta já está com o esquema vacinal completo. Além disso, 59% jovens de 12 a 17 anos também já estão imunizados com a primeira dose.

A partir desta terça-feira (14) a Prefeitura de Santo André começará a aplicar a segunda dose da Pfizer em munícipes de 43 a 59 anos que receberam a primeira dose da AstraZeneca, caso o imunizante produzido pela Fiocruz não esteja disponível. A imunização com estes dois fabricantes diferentes poderá ocorrer em razão do atraso do envio da vacina AstraZeneca por parte do Ministério da Saúde.

A combinação dos imunizantes tem o respaldo do Comitê Científico do Governo do Estado e do Programa Estadual de Imunização, que embasaram a decisão em estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS) e orientações do Ministério da Saúde. A decisão também foi aprovada em deliberação bipartite com o Conselho dos Secretários Municipais de Saúde de São Paulo (Cosems).

Para garantir comodidade, segurança e conforto, o município se mantém estruturado com sete pontos drive-thru e nove unidades de saúde estrategicamente posicionadas para a vacinação do público-alvo.

O Ministério da Saúde não recomenda que seja feita a aplicação das vacinas contra a Covid-19 e contra a Influenza conjuntamente. A pasta orienta que as pessoas que estiverem nos grupos prioritários procurem se vacinar antes contra a Covid-19. Especialistas recomendam um intervalo de pelo menos 14 dias entre a imunização contra coronavírus e a vacina contra a gripe. Pessoas infectadas com a Covid-19 ou que receberam alta há menos de 28 dias não poderão tomar a vacina contra a Influenza.

Doação de alimentos – As pessoas agendadas para receber a imunização podem levar 1 kg de alimento não perecível para doar nos pontos de vacinação e drive-thru da cidade. Essa ação contribuirá com a iniciativa do Fundo Social de Solidariedade, presidido voluntariamente pela primeira-dama Ana Carolina Barreto Serra, que está recebendo doações.


| Texto: Rafaela Mazarin
rcpmazarin@santoandre.sp.gov.br / 4433-0142
| Fotos: Helber Aggio/PSA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s