A Saúde e a Vida são bens caros demais para serem banalizados

Fátima Aparecida Santos de Souza (Cabo Fátima Pérola Neggra

Após viver grandes desafios em 2019, tudo que eu esperava para 2020 era uma “volta por cima” e grandes realizações! Em hipótese alguma passou pela minha cabeça viver um marco histórico para a humanidade como a PANDEMIA COVID19!
As primeiras notas sobre o vírus soavam como introdução de filme de ficção, tipo “não pode ser verdade uma coisa dessas!” ou “isso é alguma artimanha política”. Mas de repente nossas vidas foram viradas do avesso e a realidade mostrou-se um filme dramático em vários aspectos. A quarentena e isolamento social trouxe uma insegurança a nível global e do dia pra noite fomos privados do acolhimento de um abraço, de sorrir abertamente, de exercer o direito de ir vir. Em contrapartida, atividades essenciais como a minha – Policial Militar – seguia na contramão do restante da humanidade que, em comprimento a decretos, podiam manter-se “protegidos” em seus lares. No meu caso isso estava totalmente fora de cogitação! Policiais não têm como exercer suas atividades de manutenção da ordem pública a partir de “home office”. Somos linha de frente, dia e noite arriscando a própria vida em prol da sociedade, risco esse elevado durante a pandemia.
Ausentar-me do convívio físico da minha família para protege-la e ao mesmo tempo expor-me diariamente para servir e proteger a população, provocou um turbilhão de sentimentos dentro de mim. A nova rotina de celebrar por chamadas de vídeo, ocasiões que sempre foram motivos de alegres reuniões familiares, como aniversários e outras datas comemorativas, trazia dor e pranto constantes. O crescente número de contágio e óbitos no efetivo da Polícia Militar, os entraves políticos para conter a ação do vírus, geravam angústias!
Tive sintomas e fui afastada preventivamente do serviço no final de maio de 2020. Apesar do teste negativo, o mau estar na clausura do meu quarto por quatorze dias foi assustador! A gente pensa: “será que vou resistir?”. É uma sensação devastadora a nível emocional.
Em meio a todo esse caos, ainda tivemos eleições em 2020 e já que estava no “fogo cruzado”, decidi exercer meu papel de cidadã incisivamente, concorrendo à vereança por Mauá, onde moro e trabalho há décadas. Entendi que criticar o sistema e apontar os problemas sociais não basta. Nosso maior desafio é propor soluções. Daí a motivação da qual fui imbuída a participar do pleito. No final do ano, de volta às fileiras da Corporação, consegui fruir de uma licença e após dez meses, revi pessoalmente meus pais que residem no interior de São Paulo. O reencontro foi transbordante! Muitos amigos haviam perdidos seus pais e familiares no decorrer do ano, então fruir do privilégio de ter vivos e saudáveis meus pais, filhos, neta, é motivo de constante gratidão a Deus!
Um ano e meio se passou-se e finamente a vacinação massiva ocorre em âmbito nacional. Meus pais estão imunizados e nós, policiais já tomamos a primeira dose da vacina. O alívio é grande e a esperança de que tudo isso passe logo e possamos acordar desse pesadelo chamado COVID19, nos traz alento ao coração. No entanto, não devemos afrouxarr as rédeas. Ainda temos que manter todos os cuidados e recomendações para preservar a vida. A responsabilidade individual é imprescindível para vencer o vírus! Os números de contágio e mortes ainda são altos, bem como a irresponsabilidade de pessoas que ignoram a realidade e promovem festas e aglomerações, contribuindo para a elevação dos índices de violência doméstica, perturbação do sossego público e descumprimento de decretos que visam conter o avanço do Covid19. Finalizo meu depoimento com um apelo e reflexão: FAÇAMOS NOSSA PARTE HOJE PARA O BEM ESTAR COLETIVO, POIS O OUTRO É ESPELHO DE NÓS MESMOS. A EMPATIA POR NOSSOS SEMELHANTES É O MEIO MAIS PROMISSOR DE GARANTIR UM FUTURO SAUDÁVEL E FELIZ. A SAÚDE E A VIDA SÃO BENS CAROS DEMAIS PARA SEREM BANALIZADOS.

FÁTIMA APARECIDA SANTOS DE SOUZA (CABO FÁTIMA PÉROLA NEGGRA)

53 anos, divorciada, cinco filhos, uma neta
Policial Militar há 23 anos
Poetisa, Palestrante Motivacional, Instrutora PROERD

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s