Caso de Rio Grande da Serra aumenta os números da violência contra a mulher

Esta semana foi divulgado nas redes sociais um vídeo onde um homem aparece espancando sua namorada em Ilhéus na Bahia. Foi mais um caso de extrema violência e intolerância, o vídeo chegou ao público através de anônimos que perplexos filmaram as terríveis cenas e postaram indignados querendo justiça.

Em Rio Grande da Serra não foi diferente, conforme já noticiado aqui na semana passado dois homens declarados apoiadores da candidata á prefeitura Marilza Oliveira do PSD, espancaram uma moradora que havia questionado a candidata a cerca de promessas feitas á quatro anos atrás e nada tinha sido feito, a reação foi extremamente intolerante, segundo a vítima dois homens chegaram num carro adesivado com as fotos da candidata foram intimidar a moradora que logo em seguida foi espancada pela dupla.

“Foi a pior coisa que já sofri em minha vida, eu pensei que eu fosse morrer surrada pelos valentões, mas agora vamos atrás de justiça, já fizemos o boletim de ocorrência e o exame de corpo delito, espero que outras pessoas não passem o que eu passei, só quero justiça, não podemos aceitar viver em uma cidade comandada pelos coronéis do velho cangaço”, disse Elisangela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s