Flexibilização no ABC começa a partir da segunda-feira dia 15 de junho

Centros comerciais, shoppings centres, comércio varejista, escritórios, concessionárias de veículos e imobiliárias, estarão autorizadas a retomar as atividades seguindo orientações para o funcionamento.

O anuncio foi feito pelo governador João Doria no Palácio dos Bandeirantes nesta quarta-feira dia 10 de junho. Neste mesmo dia São Paulo registrou mais um record seguido no número de mortes pela covi1-19, 340 óbitos em 24 horas. O principal critério para o aumento da flexibilização é o número de leitos disponíveis que cada cidade e região vai apresentar.

Grande ABC avança para fase 2 do Plano São Paulo 

O Governo do Estado de São Paulo reclassificou, nesta quarta-feira (10/6), o Grande ABC no Plano São Paulo, que trata da reabertura gradual da economia. 

Com a reclassificação, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra passam, a partir da próxima segunda-feira (15/6), da fase 1 (faixa vermelha), com funcionamento permitido somente aos serviços essenciais, para a fase 2 (faixa laranja), que possibilita aberturas com restrições.
O Consórcio Intermunicipal Grande ABC reforça que os municípios da região vinham cumprindo todos os critérios determinados pelo Governo do Estado para a retomada gradual e consciente.
A partir deste momento, os municípios do Grande ABC começam a traçar seus planos de retomada gradual e consciente, com responsabilidade e controle. Cada prefeitura irá publicar o seu decreto municipal, de acordo com as peculiaridades de cada cidade, em relação à retomada das atividades de acordo com o plano elaborado do Governo do Estado.
Ressaltamos que a participação e colaboração da sociedade são fundamentais para conter o avanço da pandemia e manutenção do Grande ABC na fase 2 (faixa laranja) do Plano São Paulo.
As prefeituras reiteram que a população deve continuar colaborando com o isolamento social e protocolos de higiene, saindo de casa somente se for estritamente necessário, para mitigar os danos da contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19).
Lembramos que o Comitê de Contingência do Coronavirus faz análise quinzenal dos critérios e indicadores dos municípios e sem a colaboração da população a região pode voltar para a fase 1 (faixa vermelha), de alerta máximo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s