BRK Ambiental alerta para importância da coleta e destinação correta de óleo de cozinha usado em Mauá

Por meio do Programa Olho Vivo, uma parceria entre BRK Ambiental, prefeitura e a empresa Lirium Reciclagem Ambiental a população pode fazer o descarte de maneira adequada em 50 pontos de arrecadação na cidade

O descarte irregular de óleo de cozinha e gordura na rede de esgoto é uma das maiores dificuldades enfrentadas pela BRK Ambiental, concessionária responsável pelos serviços de esgoto em Mauá.

A rede coletora de esgoto é um equipamento público responsável por coletar, afastar e tratar os efluentes gerados nas residências, escolas, comércios e indústrias por meio de tubulações dimensionadas para tal finalidade, ou seja, apenas esgotos provenientes de banheiros, pias e tanques. Devido à má utilização dessas redes coletoras de esgoto, despejo de lixo, óleos, graxas ou qualquer resíduo sólido, ocorre a obstrução da tubulação.  

O óleo de cozinha usado é um dos grandes vilões das tubulações de esgoto. Isso porque, se descartado de maneira incorreta, diretamente em pias, tanques e vasos sanitários, pode ocasionar a obstrução das redes. “O óleo se solidifica nas tubulações, formando blocos que obstruem a passagem do esgoto, o que pode gerar transtornos nas ruas e até dentro dos imóveis”, explica Thaís Cortina, gerente de Sustentabilidade da BRK Ambiental em Mauá.

Para evitar que este problema ocorra, o Programa Olho Vivo “Água e óleo não se misturam”é realizado no município. Trata-se de uma parceria da BRK Ambiental com as Secretarias Municipais do Verde e Meio Ambiente e Educação e a empresa Lirium Reciclagem Ambiental. O projeto prevê a correta coleta e destinação adequada do óleo de cozinha usado. No total, são 50 pontos de coleta instalados nas escolas municipais e conveniadas, no Parque Natural Municipal Guapituba Alfredo Klinkert Junior e no Parque Ecológico da Gruta Santa Luzia.

“O Olho Vivo é um projeto sustentável que gera educação e preservação do meio ambiente. O óleo de cozinha recolhido pela empresa Lirium Reciclagem Vegetal é destinado adequadamente para a fabricação de biodiesel e os pontos de coleta são certificados pela destinação correta do resíduo”, explica a gerente.

“Assim, pequenas mudanças de hábitos no dia a dia contribuem positivamente para a preservação ambiental, reduzindo o impacto gerado com o descarte inadequado deste resíduo no solo, nos cursos d’água e na rede de esgoto.”

Participar do projeto é simples e rápido. Confira abaixo:

– após a fritura dos alimentos, espere o óleo esfriar

– armazene o óleo usado já frio em garrafas de plástico ou PET

– leve a garrafa até a escola municipal ou ponto de coleta mais próximo da sua casa e deposite no coletor do projeto.

Confira a lista e endereços dos pontos de coleta no site https://www.brkambiental.com.br/maua/coleta-de-oleo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s